Um inútil a desserviço da população de Cruzeiro do Sul


"Foca amestrada
Adversários do prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales, usam diariamente uma “foca”, com matérias mal trabalhadas e vazias, para lhe atacar diariamente em um programa de televisão."

Esta é a última do "Mister Unanimidade" o guru que da capital, sabe mais de Cruzeiro do Sul do que quem vive na cidade.
Então vamos lá.

"foca" a quem ele se refere é um colega de trabalho que está conosco nas ruas de Cruzeiro do Sul há pelo menos 5 anos. As mesmas ruas que o "guru" conhece somente através da assessoria de comunicação da prefeitura.

A matéria "mal trabalhada e vazia" foi um apanhado geral dos problemas que devem ser debatidos nas eleições municipais de Cruzeiro do Sul. (assita aqui).
O repórter além de cumprir à risca a linha editorial da empresa, teve a ponderação de dizer que são problemas acumulados de diversos mandatos.

dizer agora, que uma empresa de comunicação não pode mais mostrar os buracos nas ruas da cidade onde vive?
É muita cara de pau um sujeito, de Rio Branco, querer ditar o que deve e o que não deve ser debatido em Cruzeiro do Sul! Normalmente sou contra atacar colegas de imprensa por defender posições antagônicas à minha, e sempre procuro manter uma relação respeitosa com os colegas que fazem jornalismo de oposição no Acre.

Mas como o sujeito se digna a atacar um colega da minha equipe, não vejo motivo para tais pudores.

E é o tipo de ataque covarde, porque o personifica, numa tentativa de prejudicar a carreira profissional de um colega.

Pois, sim, eu tenho uma notícia para te dar: aqui nós temos equipe, nós temos direção e nós temos linha editorial. Aqui, nenhum jornalista, foca ou não, sai sozinho no campo de batalha.

E se você com seus anos de experiência ainda não sabe o que é isso, venha pegar umas aulas com o nosso "foca".

Talvez você possa também nos dar uma aula de "como achacar políticos em véspera de eleição".

A administração que ele tanto elogia é depreciada nas suas linhas na mesma proporção em que lhe atrasam o pagamento.

Foi este mesmo cidadão que tentou "achacar" o dep. Jonas Lima, motivando os impropérios verbais contra a classe jornalística. É uma desonra para a classe. Mas é como eu digo, se cada povo tem os políticos que merece, os políticos também têm a imprensa que merecem.

Por isso, a imprensa de oposição é tão somente a justa medida que cabe a uma imprensa de situação igualmente venal. 

Longa vida à imprensa de oposição!

Até que um dia quem sabe, possamos ter um jornalismo mais equilibrado e equidistante das facções políticas.

***

Se a única linguagem possível é essa, a do dinheiro que compra mentalidades, não devem reclamar de serem extorquidos por figuras como este senhor. Um inútil a serviço apenas de si mesmo.

Agora, quem não merece isso, é a população, em especial no caso, a de Cruzeiro do Sul.

Não é a sua consciência que você está vendendo apenas, mas o futuro do nosso povo, um povo com a qual não tem nenhuma relação, a não ser pelo fato de querer fazer o filho vereador.

Uma sugestão: limite-se a fazer sua política mesquinha nos arredores da sua várzea. Limite-se a depreciar os políticos que são da sua mesma laia. E lave a boca para falar de Cruzeiro do Sul.

Share this:

Comentários

0 comentários :

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário