11 de novembro de 2014

Funcionários cobram Pagamento da Produtora que Fez Campanha de Bocalon


Não é primeira vez, que profissionais que prestam serviço de marketing eleitoral, para Tião Bocalon; denunciam falta de pagamento. Na última eleição para prefeito de Rio Branco, quando Bocalon concorreu ao pleito pelo PSDB e foi derrotado pelo atual prefeito Marcus Alexandre, a produtora que trabalhou na época, Também denunciou de calote. 

Desta vez a denuncia vem de funcionários, que prestaram serviços a produtora contratada pela coligação produzir para empregar, encabeçada por; Bocalon (DEM) para governador e Henrique Afonso (PV) vice e Roberto Duarte (PMN), que concorria ao senado.

Os mesmos alegam falta de pagamento pelos serviços prestado. Nesta Terça feira, um dos principais marqueteiros da campanha de Bocalon, fez um desabafo na sua página pessoal do Facebook. Vejam o que Assem Neto diz:

UTILIDADE PÚBLICA
Não admito ver colegas passando dificuldades, principalmente aqueles que testemunhei trabalhando manhã, tarde, noite e madrugadas, e que foram direta ou indiretamente subordinados a mim nesta campanha eleitoral. Me refiro aqui à demora (já são 45 dias) para que a produtora responsável pela propaganda do Bocalom pague os funcionários. 

A paciência acabou. Estou apoiando a todos que movem ação trabalhista contra a empresa, e lamento, publicamente, que nenhum dos candidatos majoritários ou proporcionais tenham tido, até o presente momento, a sensatez de intervir para que o calote não cresça mais ainda. Eu não vou sossegar enquanto cada colega (repórter, auxiliar, fotógrafo, cinegrafista, a turma da mídia social) esteja com seu dinheiro no bolso. PMN, PV e DEM estão obrigados a se manifestar desde já e, se há respeito pelos profissionais, que condenem a decisão de pagar quem menos precisa.

Sim, pagaram meia dúzia de "compadres" e deixaram ao léu a força bruta de trabalho, aqueles que estavam de pé às 4 da manhã e dormiam em média 3 a 4 horas por dia. Se virem!!! A mim, ninguém deve nada. Mas a derrota nas urnas não justifica essa pouca vergonha. Perderam por incapacidade publicitária, incompetência na definição de um marketing no mínimo aceitável. O alerta está feito, e rogo que não tratem esse post como ameaça, e sim uma alternativa de busca por justiça, afinal de contas não tem moral para falar dos adversários quem faz merda igual ou pior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário