21 de maio de 2015

Deputados apoiam proposta de reforma política da sociedade

 

Ao receber a comitiva de representantes no movimento da Coalizão Reforma Política Democrática e Eleições Limpas, na tarde desta quarta-feira (20), no Salão Verde da Câmara, os deputados dos partidos progressistas, manifestaram apoio à proposta e a mobilização que deve ser intensificada nesses dias que precedem a votação da matéria na Câmara.



Agência Câmara
“Precisamos de um parlamento que represente a sociedade real brasileira", alertou a deputada Luciana Santos, fazendo coro aos demais parlamentares.“Precisamos de um parlamento que represente a sociedade real brasileira", alertou a deputada Luciana Santos, fazendo coro aos demais parlamentares.
Os parlamentares também manifestaram preocupação com a atitude demonstrada pelo presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que acena com manobras regimentais para garantir a aprovação do projeto de interesse dele.

O deputado Henrique Fontana (PT-RS), declarou que os deputados não vão aceitar manobras regimentais do Presidente da Casa que os impede de votar. “O Presidente da Casa não é imperador e não pode dizer que vai votar a proposta dele”, alertou o parlamentar.

Para a deputada Luciana Santos (PCdoB-PE), “não pode um parlamento como esse representar a base social do nosso país”, destacando que “não há aqui uma representação feminina e dos trabalhadores e outros segmentos que represente a sociedade real”, para defender a proposta da coalizão, que segundo ela e os demais parlamentares é que a atende melhor atende os anseios da população brasileira.

“Precisamos de um parlamento que represente a sociedade real brasileira e, para isso, é preciso acabar com a força do poder econômico nas eleições. Precisamos debater um modelo de sistema eleitoral que privilegia os programas e partidos políticos, que é o modelo sugerido pela coalizão. Esse é o caminho pelo qual vamos travar esse debate para superar a crise política nesse país”, avaliou a deputada.

Campanha intensa

Para o deputado Daniel Almeida (PCdoB-BA), membro da comissão especial que trata da reforma política e acompanha “pari passu” os debates e negociações em torno do tema, “a novidade de hoje em relação a reforma política é a presença da coalizão e entrega das assinaturas na proposta da Reforma Política Democrática e Eleições Limpas, que é a representação da sociedade civil.”

“Reforma política que aprofunde a democracia no nosso país, que contemple aspiração da nossa população, que iniba e defina equilíbrio na disputa eleitoral, sem a interferência do segmento empresarial é essa proposta da coalizão”, avalia o deputado, fazendo coro aos demais parlamentares que se manifestaram no ato.

“E não há como a Câmara deixar de ouvir essa voz, que é fundamental para trazer um mínimo de equilíbrio no debate que até aqui tem sido favorável ao retrocesso”, diz o parlamentar, também ele convocando a sociedade a acompanhar a discussão do assunto, que deve ser intensificada até o final da votação, marcada para a próxima semana, nas movimentações de rua, nos meios de comunicação e nas redes sociais.
      
Leia também:
Manifestação alerta para ameaças da proposta de reforma política 

Do Portal Vermelho
De Brasília, Márcia Xavier  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário