12 de julho de 2016

Assessor de Imprensa do SINTEAC é Preso por agressão física a Diretora da Entidade

ASSESSOR DE PRESIDENTE DO SINTEAC AGRIDE MULHER


Por: Tião Vitor

O jornalista Assem Mamed Neto foi preso no início da tarde terça-feira, 12, acusado de ter agredido diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Acre (Sinteac), Márcia de Souza Lima Carvalho. Assem desferiu um soco na altura do supercílio esquerdo de Márcia que teve de ser levada ao pronto-socorro de Rio Branco para o atendimento de emergência.

De acordo com uma testemunha que pediu para não ter o seu nome revelado, a agressão se deu depois da discussão em torno de um arquivo de vídeo recebido por Assem Neto para ser entregue à presidente Rosana Nascimento. Ele teria se irritado por Marcia pedido que lhe entregasse o vídeo e partiu para a agressão.

“Logo cedo, o diretor de Gestão da Secretaria de Educação, Evaldo Viana, veio entregar um vídeo do secretário Marco Brandão, em que reafirma compromissos assumidos com a categoria. Como a Rosana não estava, ele entregou para o Assem. Pouco tempo depois, a Márcia pediu para ver o vídeo, mas ele negou entrega-la. Ela exigiu afirmando ter direito por ser diretora do Sinteac. Foi aí que ele partiu para agressão e deu um soco no rosto dela que ficou caída no chão”, contou a testemunha.

A Polícia Militar foi acionada. Em poucos minutos uma guarnição da chegou ao local e encontrou Assem Neto sentado em uma cadeira e Márcia Souza sendo socorrida pelos colegas de trabalho. Assem foi levado à Delegacia da Mulher. Depois dos procedimentos de praxe, o jornalista foi liberado, mas deve responder pelo crime de lesão corporal baseado na Lei Maria da Penha.
.
JORNALISTA DIZ QUE MÁRCIA MERECEU

Pouco depois de ser liberado, o jornalista Assem Neto fez uma em seu perfil no Facebook em que afirma que diretora do Sinteac mereceu a agressão. Na postagem ele diz: “Mulher barraqueira merece, SIM, umas bordoadas, principalmente quando não sabe ser rejeitada e ainda chama tua mãe de puta. Cultura vem de berço. Quando o bagaço se diz educadora, pior ainda. A Lei Maria da Penha pune sem observar causas ou consequências. Ainda terei o prazer a Lei de Proteção aos Direitos do Homem”.
.
ASSEM DEVE SER DEMITIDO

Assem Neto trabalha como assessor de imprensa do Sinteac desde meados do ano passado. Ele é conhecido por ter um temperamento agressivo, mesmo assim era considerado como homem de confiança da atual presidente da instituição, Rosana Nascimento. Pessoas próximas a ela garantem que o jornalista será demitido já nesta quarta-feira.