12 de outubro de 2016

Juíz Sérgio Moro aceita Depoimento de Esposa de Cunha Por Telefone

Defesa da mulher de Cunha presta “esclarecimentos” para Moro por celular,Lula foi condução coercitiva ao vivo na Globo










Nestes tempos em que qualquer petista, mesmo sem ser réu ou investigado, é conduzido com aparatos bélicos para prestar declarações, na tal “condução coercitiva” com que Sérgio Moro começou a “testar” reações à futura prisão de Lula, chama a atenção a notícia de hoje no Estadão sobre o “depoimento” prestado por telefone celular pelo ministro da s Cidades, Bruno Araújo, do PSDB, a pedido da defesa da mulher de Eduardo Cunha, Cláudia Cruz.

Perguntas genéricas, respostas mais ainda, nenhum elemento que pudesse ter qualquer importância, a favor ou contra, sobree as acusações de que ela foi cúmplice do marido nos desvios de dinheiro de que o ex-presidente da Câmara é acusado de ter praticado.

Só falta agora Eduardo Cunha ser inquirido através do “whatsup”.