8 de outubro de 2016

Ministro da Justiça, Enrolado com a Justiça

Alexandre de Moraes recebeu R$ 4 mi de empresa alvo da Acrônimo


RUBENS VALENTE
DE BRASÍLIA
MARIO CESAR CARVALHO
DE SÃO PAULO

07/10/2016 21h30 - atualizado às 21h30

Pedro Ladeira/Folhapress
Brasilia, DF, Brasil, 21/07/2015: Coletiva do ministro da justica Alexandre de Moraes, no MJ. Ele fala sobre a prisao de brasileiros sob suspeita de terrorismo, apos o grupo ter feito contatos com o Estado Islamico. Foto: Pedro Ladeira/Folhapress
O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, durante entrevista em Brasília
Operação Acrônimo, coordenada por Polícia Federal e Ministério Público Federal, apreendeu documentos que indicam o pagamento de pelo menos R$ 4 milhões de uma das empresas investigadas, a JHSF Participações, de São Paulo, para a firma de advocacia do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, entre 2010 e 2014.
Na época, Moraes não tinha cargo público.
No último dia 16 de agosto, a PF encontrou sobre a mesa de um dos principais executivos da JHSF, empresa do setor imobiliário, uma planilha impressa com o nome "Alexandre Moraes", além de valores e duas siglas, PT e PSDB.

PF: Moraes recebeu R$4mi de empresa alvo de investigação

"Ministro" da "justiça" afirma estar "impossibilitado de explicar"
Vergonha.jpg
Na Fel-lha:
Alexandre de Moraes recebeu R$ 4 mi de empresa alvo da Acrônimo
RUBENS VALENTE de Brasília
MARIO CESAR CARVALHO de São Paulo

A Operação Acrônimo, coordenada por Polícia Federal e Ministério Público Federal, apreendeu documentos que indicam o pagamento de pelo menos R$ 4 milhões de uma das empresas investigadas, a JHSF Participações, de São Paulo, para a firma de advocacia do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, entre 2010 e 2014.

Na época, Moraes não tinha cargo público. 

(...) O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, disse, em nota, que está impossibilitado de explicar os serviços que prestou à JHSF Participações devido a "cláusula de confidencialidade" com seu cliente, para o qual afirmou ter trabalhado entre o segundo semestre de 2010 e final de 2013.