13 de dezembro de 2016

Jucá diz que Risco de Novas Delações, não preocupa PMDB nem Governo

247 - O líder do governo no Congresso, senador Romero Jucá (PMDB-RR), disse que a manifestação do líder do DEM no Senado. Ronaldo Caiado, que integra a base governista, defendendo uma eventual renúncia de Michel Temer visam as eleições presidenciais. "O senador Caiado é candidato à Presidência da República e é saudável que haja muitos candidatos para que haja bastante debate em 2018. Mas, a Constituição garante o mandato do presidente Michel Temer até 2018", afirmou Jucá.
Segundo Jucá, a queda da taxa Selic e a alta das ações de empresas estatais são alguns dos fatores positivos da atual gestão mas que, apesar disso, em momento algum houve compromisso de apresentar apenas resultados positivos a curto prazo.

 "Não se faz milagre para ressuscitar do quadro de penúria e desgraça deixado pelo governo do PT", disparou.

Ainda segundo Jucá, nem o governo e nem o PMDB estão preocupados com a possibilidade de novas delações premiadas, apesar dele próprio, dentre outros ministros e membros da base aliada, além do próprio Michel Temer, terem sido citados em depoimentos de executivos da Odebrecht que vazaram para a imprensa. "O vazamento de delação não homologada é ilegal", destacou.