10 de novembro de 2017

Depois de ajudar no Golpe,FHC faz análise do Governo Temer: Chegou a hora do PSDB pular fora

FHC pede que PSDB desembarque do governo Temer em dezembro

Ex-presidente reconhece que os tucanos "não deixarão de pagar por ter dado a mão" para o peemedebista e defende que o partido "deveria prosseguir no mea culpa"


Preocupado com as chances eleitorais do PSDB para 2018, Fernando Henrique Cardoso defende que os tucanos desembarquem do governo Temer após a Convenção que o partido realizará no próximo mês de dezembro, ainda que continuem apoiando no Congresso as reformas econômicas. Segundo o ex-presidente da República e presidente de honra do PSDB, se o partido não reagir assim "sua confusão com o peemedebismo dominante o tornará coadjuvante na briga sucessória"
As pesquisas de opinião feitas nas últimas semanas pelos tucanos mostram um panorama bem complicado para o partido. Segundo publicou o blog Painel do jornal Folha de S. Paulo75% dos brasileiros não acreditam nas chancesde que algum membro do PSDB consiga a vitória nas eleições presidenciais de outubro de 2018. 
Das perguntas aos simpatizantes do partido se afere que uma das questões que mais estão prejudicando a imagem do PSDB é a aliança com Temer. Em todas as pesquisas publicadas nas últimas semanas, os dois tucanos que até agora se disseram dispostos a se candidatar, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito da capital do Estado, João Doria, estão por trás em intenção de voto do direitista radical Jair Bolsonaro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe Seu Comentário